Buscar
  • Anderson Zotto

Tom Watson: o primeiro a ser campeão inglês pelo Liverpool


Terceiro técnico da história dos Reds, Tom Watson venceu três campeonatos ingleses pelo Sunderland
Terceiro técnico da história dos Reds, Tom Watson venceu três campeonatos ingleses pelo Sunderland

Nascido em abril de 1859, na cidade de Newcastle, Tom Watson começou a vida futebolística como jogador, pelos times Woodbine, Rosewood e Heaton. Não existem estatísticas sobre sua carreira no campo, mas pelo que veio depois, podemos imaginar que entendia bastante do jogo.


Em 1881 assumiu o cargo de treinador do Newcastle West End e, segundo jornais da época, foi Watson quem convenceu as organizações locais a concederem o St. James Park para seu clube jogar. O treinador chegou a treinar também o rival Newcastle East End, que em 1892 se uniu ao West para formarem o Newcastle United, atual time da cidade.


Sua trajetória de sucesso começou em 1889, quando assumiu o Sunderland AFC. Na equipe do nordeste inglês, Watson saiu da segunda divisão ao tricampeonato nacional (1891/92, 1892/93 e 1894/95), e é considerado até hoje o maior treinador da história dos Black Cats.


A chegada ao Liverpool Football Club

Em 1896 o então técnico e diretor do Liverpool, John McKenna, decidiu trazer um treinador de maior status para o clube, visando não repetir o fracasso da estreia na primeira divisão. Com isso, os Reds fizeram uma proposta irrecusável para Tom Watson: 300 libras por ano (40 mil libras/ano no valor corrigido pela inflação pelo Banco da Inglaterra em 2019).


O mais impressionante é que Tom Watson tinha apenas 37 anos de idade na época, já carregando um currículo digno dos melhores da história. Mesmo pro final do século XIX ele era considerado um treinador muito jovem. Mas, apesar da juventude, mostrou as credenciais do sucesso no Sunderland em Anfield Road, chegando a recomendar e restringir atitudes da vida pessoal de atletas que prejudicassem o rendimento.


A rotina dos jogadores era um tanto quanto intensa, começando com meia hora de caminhada às 7h30, café da manhã às 8h30 e treinamento às 9h45 e às 15h30. Um copo de cerveja era recomendado no jantar e o tabaco era "usado com moderação". O dia ainda terminava com um passeio no final de tarde.


A estreia do uniforme vermelho

Foi com Watson que o Liverpool estreou um uniforme com cores vermelhas, em 01 de setembro de 1896, usando a combinação de camisa vermelha e bermudas brancas. A distinção do azul, atrelado ao Everton, logo virou objeto de fascínio da mídia local.


O início do projeto

A primeira temporada de Watson terminou com um 5º lugar no campeonato inglês, um santo imenso de patamar comparado ao fiasco de dois anos antes.


Para a temporada 1897/98, o treinador decidiu replicar mais uma fórmula de sucesso em Sunderland, o recrutamento de jogadores escoceses (que como mostra a série The English Game, foram os precursores do futebol moderno).


Com a chegada dos escoceses, o Liverpool começou a acumular campanhas batendo na trave, com duas semifinais da FA Cup antes da virada do século e um vice-campeonato inglês em 1898/99 para o Aston Villa, perdendo na última rodada por 5-0 para o campeão, após passar 33 rodadas tomando apenas 28 gols no campeonato.


O primeiro título inglês do Liverpool

Na primeira temporada do século XX, Watson conquistou o primeiro título inglês da história do Liverpool FC, sendo campeão em cima do seu antigo clube, o Sunderland. Esse foi o primeiro grande troféu conquistado.


Porém, após o título Watson teve uma queda brutal de rendimento, sendo rebaixado duas temporadas depois. A diretoria confiava na recuperação do treinador, visto que era um caça talentos nato, trazendo nomes como Alex Raisbeck, os lendários goleiros Sam Hardy e Elisha Scott e os artilheiros Jack Parkinson e Sam Raybould.


Tom Watson conseguiu organizar os Reds para ganharem a segunda divisão, e disposto a voltar ao alto rendimento, montou uma máquina de jogar futebol, levando o Liverpool para o título da primeira divisão no ano seguinte (o primeiro clube a realizar o feito de vencer as duas divisões em sequência).


O fim de uma era

Enquanto se preparava para a temporada 1914/15, a primeira guerra mundial eclodiu, paralisando o futebol mundial. Tom Watson então decidiu passar um tempo na sua cidade natal, mas acabou pegando um resfriado, não se cuidando e fazendo a doença evoluir para uma forte pneumonia.


O primeiro grande treinador da nossa história veio a falecer no dia 06 de maio de 1915. Seu caixão foi carregado pela equipe do Liverpool e Tom Watson está até hoje enterrado no Cemitério de Anfield.


Tom Watson foi um dos grandes técnicos da história

Watson deixou pra trás um dos maiores currículos do futebol britânico em todos os tempos, com cinco títulos da liga.


Também carrega até hoje o recorde de treinador do Liverpool por mais tempo, com 19 anos no cargo.


Tom Watson foi o primeiro do seleto grupo de quatro treinadores que conquistaram a primeira divisão por dois clubes diferentes. Os demais são Herbert Chapman (Huddersfield e Arsenal), Brian Clough (Derby County e Nottingham Forest) e Kenny Dalglish (Liverpool e Blackburn).


O Liverpool passou quatro anos sem apontar um treinador para o cargo devido à suspensão do futebol mundial. Somente em dezembro de 1919 que David Ashworth foi nomeado treinador dos Reds.