Buscar
  • Marco Aurélio Júnior

Tirar o título do Liverpool, Karren?


Karren Brady é a vice-presidente do West Ham (Foto: Site Sky Sports)

Como sempre, o The Sun perdeu a chance de ficar calado. Saiu hoje neste ridículo meio de imprensa um texto escrito pela vice-presidente do West Ham, Karren Brady. O título do texto diz tudo: "Desculpa, Liverpool, mas a Premier League deve ser declarada nula e cancelada se os jogadores não poderem jogar de novo".


Eu sou completamente contra o The Sun, mas como aqui fazemos serviço, indico buscarem o texto. Não colocarei um hiperlink neste site, até porque, bom, #totaleclipseofthesun.


Brevemente, quem é Karren Brady?


Membro do parlamento inglês, "jornalista" no The Sun e política do partido conservador britânico, Karren Brady é um nome bastante conhecido na Inglaterra, por ser figura pública na política, na comunicação e no esporte, como vice-presidente do West Ham.

"Mas o que deve acontecer se a liga não poder ser finalizada? Se jogos da Premier League e da EFL estão sendo afetados, então a única ação plausível e justa a fazer é declarar toda a temporada nula"

Acreditem, ela falou essa besteira. Em meio ao caos do coronavírus, que está deixando o mundo inteiro cauteloso e cancelando quase todos os eventos esportivos (como sempre o Brasil será o último a fazer isso), as opiniões e opções sobre o que fazer caso a Premier League seja cancelada são diversas.

Entendo perfeitamente se a Karren, como diretora de um clube próximo da zona de rebaixamento, dissesse que ninguém deveria ser rebaixado. Agora, como jornalista do The Sun, jornal expulso de Liverpool tanto por torcedores dos Reds quanto por torcedores do Everton, ela vir falar que não devemos ser considerados campeões? Ainda mais com esse título? No The Sun?


Claramente se trata de algo parcial, uma iniciativa talvez nem dela, mas do ridículo, desmoderado e sem credibilidade meio de comunicação para o qual trabalha. Mas conhecendo a conservadora membro do parlamento, acho que foi iniciativa dela mesmo.


O mais justo é dar o título ao Liverpool


Agora trazendo a minha opinião e, acreditem, sem clubismo nela, digo que o título deve sim ser dado ao Liverpool. Assim como diria a mesma coisa com qualquer outro clube na liderança da competição.


Claro que essa não é a única alternativa, pode também nem ser a mais justa, visto que em outros países se considera realizar playoffs com os primeiros colocados pra definir um campeão e quem irá pra ligas europeias.


Mas, sem clubismo, acredito ser o mais certo dar o título ao Liverpool, levar os melhores colocados para as competições europeias e não rebaixar ninguém, subindo apenas os dois primeiros colocados da Championship.

Este seria o cenário ideal caso as ligas inglesas tenham de ser canceladas

Na próxima quinta-feira (19) terá uma reunião da liga para debater os possíveis cenários futuros. Todos os clubes participarão.