Buscar
  • Mauricio Cruz

Temporada 2021/2022

Sim, já estou pensando na próxima temporada.


Sei que ainda estamos disputando vagas nas ligas européias com chances remotas de alcançar seja Champions seja Europa League, mas minha mente já está viajando lá no segundo semestre.

São muitas incertezas, claro. Mas muitas expectativas também. Veja só se não é para, de fato, mirar para 2021/2022:


1) Sejamos sinceros e realistas. Sem pegar vaga em nada e jogar só Copas domésticas e a Premier League, será que conseguiremos manter nosso elenco? Vemos sempre notícias de grandes jogadores que preferem sair do seu clube para jogar uma Champions e ficar na maior vitrine do futebol mundial. E nem dá para crucificar o jogador e chama-lo de “Judas”. Palpite? Acho que Mo Salah seria um desses caras. Diferentemente de outros grandes jogadores no nosso elenco, vejo Mo de olho em sua carreira, querendo mais, querendo talvez brigar por uma bola de ouro. E jogando só dentro da Terra da Rainha as chances dele diminuem...


2) Teremos nosso time de volta. Depois de taaaaaaaaanto tempo, queria ver o time jogando a primeira partida da Premier 21/22 com Alisson; TAA, VVD, Gomez e Robertson; Henderson, Fabinho e Firma; Salah, Jota e Mané. #GostoMuito. Mas (sempre tem um “mas”), como voltarão VVD e Gomez? E Hendo? O quarteto poderia jogar junto? #ExpectativasIrreais

Paredão! Fonte? Liverpool Echo
Paredão! Fonte? Liverpool Echo

3) O elenco. Reforços? Dei o meu time ideal aí em cima, mas e se os caras se lesionarem? Tem Thiago, Kabak, Minamino, Curtis Jones, Elliott no banco. Sabemos que não é suficiente. Se precisarmos de um gol, quem entra para ajudar? Origi? Não dá mais, né? Tem que contratar boas peças para engordar esse elenco. Não jogadores calculadoras, aqueles que vem para somar. Tem que ser gente para incomodar os titulares. Tipo Konaté.


4) O elenco. Saídas? Wijnaldum, Keita, Origi. Esses caras tem a cara da despedida. Os dois últimos especialmente. Wij (e até Ox) eu ainda tentaria conversar. Os outros não. A porta da rua é serventia da casa. Então, Keita, Origi (obrigado!), Adrian, Karius, boa sorte em sues novos clubes. Li que o BVB quer Ox. E já vi outros clubes linkados a Origol. Deu né?


5) Outro dia na Liverpool FC Brasil o ADM foi brilhante em falar que nosso maior reforço não é a volta da defesa titular nem do capitão. Nosso maior reforço vem das arquibancadas. O retorno da torcida no Anfield tem um peso de uma contratação de um World Class para o Liverpool. Sempre falei que a relação torcedor-time para nós é diferente. 10.000 estão liberadas para ver o último jogo nosso já nessa temporada no Anfield, contra o Palace. É a melhor notícia em meses. Lembre-sem que a última faísca de Liverpool no Anfield foi a vitória contra o Tottenham com gol do Firma no último minuto. 2 mil caras estavam na Kop aquele dia, nos empurrando e erguendo o 9 brasileiro para marcar de cabeça no último lance do jogo;


Por isso, sabendo que a temporada que vem será de retomada, renascimento, reagrupamento dos nossos, é que já estamos ansiosos a esse ponto.


Não tem Champions? Nem Europa League?


Não tem problema. Já lidamos com coisas piores.


Aliás, renascer é uma de nossas especialidades...


#YNWA