Buscar
  • Mauricio Cruz

Cirque de Soleil Vermelho!


Caras, que orgulho do nosso time! Nosso Liverpool é um Open Bar de bons predicados. Dá espetáculos, controla o jogo, aperta o passo quando quer e mata quando tem vontade. Um show!


Para quem ama futebol, como todos nós, é um deleite. O que aconteceu contra o Leicester semana passada no King Power foi um banho de bola. Ataca-perde-pressiona-recupera-ataca de novo. Intensidade a 220v, correndo o tempo todo. Golaços como o terceiro, de Firmino, onde a bola passa de pé em pé até chegar no 9, que, consciente, levanta a cabeça e põe no ângulo de Schmeichel com a chapa do pé direito. Pode soar exagerado, mas o gol de Arnold, o quarto da sonora goleada sobre os více-lideres, lembrou o de Carlos Alberto Torres na Copa de 70, aquele em que Pelé rola para o lateral estufar as redes da Itália. Excepcional!


Contra o Wolverhampton o show foi mais comedido. Artistas cansados, mas eficientes e dominantes.


Tem isso, também. Nosso Cirque de Soleil vermelho, quando não brilha a faísca do talento, brilha o profissionalismo, a força mental e tática, o controle do jogo e, consequentemente, ganhamos os três pontos como recompensa.


Contra o chato time do Sheffield, o domínio foi gritante. Os caras mal pegavam na bola, tal o tamanho do nosso controle de jogo. Um deslumbre. Os gols da vitória eram questão de tempo.


Nosso Circo funciona tão certinho, que quando o trapezista não brilha, quem brilha é o mágico. Outro dia, o dono da festa é o domador de feras. Um dia Firmino desfila talento. No outro, Mané faz das suas. Contra o Sheffield, Salah foi o protagonista. Não importa quem é a estrela maior. O que importa é que já comprei ingressos para ver todos os shows da temporada. Ali, na primeira fila.


Daí, fico no meio termo. Posso vir aqui e, alegremente, dizer que isso que estamos vendo, essa performance inesquecível de um grande time de futebol, já é o bastante. Ao contrário, posso vir aqui e falar que agora só falta o tão esperado e perseguido título da Premier League para coroar essa temporada fantástica.

Ou posso deixar meu lado torcedor-apaixonado falar mais alto e gritar:


É Campeão! Aplausos!


#YNWA